Feeds:
Posts
Comentários

Archive for the ‘Pergunte ao Ferris’ Category

Depois de um bom tempo, alguém resolveu mandar uma pergunta… tá bom, não parece uma pergunta e sim uma pegadinha, mas, como a coisa anda parada mesmo, vou colocar aqui a pergunta:

De Carolzita:

Querido Bueller ,

“Por que toda noiva é linda, todo defunto é a melhor pessoa do mundo e todo bebê é fofinho?”

A resposta:

Dona Carol.

Perguntas ‘lugares-comuns’ não são bem o meu forte, ainda mais que não ando bebendo ultimamente, mas, como meu compromisso com a meia dúzia de gente que se presta a ler esse troço é grande, vamos ver no que dá…

Primeiro item: Toda noiva é linda… bom, isso é totalmente discutível… generalizar não é coisa que se deva fazer nem pra baixo e nem pra cima… já dizia o filósofo Ferriano Mikhailll Osbutiádosbolso: “Todo generalismo é burro, inclusive este!”. Assim como não podemos dizer que toda feminista é sapatão, também não podemos afirmar esse tipo de coisa… temos também aquele conceito de ‘feia arrumadinha’… ou seja, a tal noiva pode parecer linda após o trato no salão. Sacumé, a tecnologia anda avançada e a noite todos os gatos são pardos… a maioria fica quase o dia inteiro do casamento fazendo cabelo, maquilagem e sei lá mais o que é possível fazer nesse dia… portanto, encaixamos aqui aquele outro conceito: não é que mulheres sejam feias, elas apenas não tem grana suficiente para ficar bonitas…

Segundo item: Todo defunto é bonzinho… aí temos outro problema… depende do defunto… talvez algum convidado do enterro do disinfiliz possa dizer isso… mas vá saber se todo o resto concorda com isso? É provável que não… já vi casos onde o presunto recém encaixotado tinha aquele vale de lágrimas da viúva e o resto da família… aquela choradeira… ‘AAAAIII EU QUERO IR JUNTOOOO…’ e todas as frases de costume até que apareceu a amante com o herdeirinho caixa 2 do cara… pronto… caiu a casa… houve quem jurasse que sistematicamente havia vestígios de urina no túmulo do cara… enfim… me entendeu né? Nessa mesma linha, duvido que haja alguém dizendo isso quando morrer o… é… bom, deixa pra lá…

Terceiro item: Todo bebê é fofinho… sim… aí temos algo verossímil… como diz a patroa: ‘quando não dá pra chamar de bonitinho a gente diz que é fofo…’. E nisso ela tem razão… aqui, baixinho, entre nós: todo nenê nasce é com cara de joelho mesmo… essa é a regra certa… e seguindo a mesma linha do Dr. Mikhaill Osbutiádosbolso, também podemos dizer que ‘filho e peido a gente só aguenta os nossos’, pois não há nada mais chato do que aquele monte de fotos que as mães novatas insistem em mostrar com aquelas fotos todas iguais, só mudando o modelito e com os comentários: “Ó, aqui foi a primeira babada dele… aqui ele tava totô… e aqui ele tinha acabado de arrancar um pedaço do bico do meu seio quando nasceu o dentinho…”… Enfim…

Espero ter contribuído para engrandecer seu arcabouço de inutilidades, e, sem mais, subscrevemo-nos…

Ósculos e amplexos!

Por isso o juíz nos avisa que estamos 'contraindo' matrimônio...

Digamos que a Ex do Celso Pitta não vá dizer que ele era bonzinho... a menos que já tenham liberado a verba pra ela...

Cara de joelho??? Ah, vai se f...

Read Full Post »

O assunto de hoje é de um cara muito gente boa, que não conheço pessoalmente, mas, pelo tom da mensagem, certamente gostaria… já vi que o lance é não colocar o nome do pessoal, portanto, vou preservar sim as identidades…

A PERGUNTA:

Parceria,

Queria saber da sua opinião (se não for casado a sua opinião praticamente não valerá muito a pena…porque solteiro sempre tem uma opinião falsa da vida)…

Meu cumpadre! Por que será que quando a gente está namorando, noivo e no primeiro ano de casado a vida sexual é uma beleza, depois de 5anos casado a sua mulher fica uns 3 meses sem dar pra vc e quando ela resolve dar, é você que não tem mais aquele fôlego todo e acaba dando uma de 5 minutos e morre de sono depois e acorda no outro dia como se estivesse transado a noite toda… será que isso é comigo ou é com qualquer casal normal?

Alguns amigos do futebol,claro que dos 20 e poucos que jogam só 3 concordaram comigo o resto transa pelo menos 4 vezes por semana… duvido!!

Gosto de blogs que falam da vida (real) de casado, assim morro de rir da minha própria vida… vc não cita casos mas tem participantes que comentam e fica bacana…

A RESPOSTA:

Meu amigo, primeiramente obrigado pela forma camarada de falar, acho legal o teu jeito de se dirigir, fica simpático sem ser afrescalhado, hehehe.

Sobre o assunto: as mulheres transam com a gente de uma forma quando nos namoram e de outra depois que casam. FATO!

Já dizia uma amiga que não fazia gênero e me contou o truque: ‘quando a gente quer conquistar vocês, a gente faz tudo, chupa feito doida, dá na frente, atrás, toma tudo, enfim, transa quenem filme pornô… mas depois que a gente conquista, a gente só faz o que tá afim…’

Isso na época me soou como uma maldição… mas, infelizmente se confirmou…

Imagina o mundo comercial… quando se entra numa loja para comprar um produto o atendimento é um… depois que tu tenta trocar esse produto, o atendimento é outro… se é que me entende…

Não posso aqui generalizar e dizer que a mulherada é toda igual… não é, claro… mas, algumas que tão desesperadas para arrumar um (trouxa) marido, certamente apelam pra selvageria mesmo… o que é bom por um tempo… mas, por outro lado, nos acostumam mal e aí depois não podemos fazer mais nada…

Deveriam realmente inventar algum órgão tipo PROCON para relacionamentos ou casamentos… aí a gente poderia reclamar ou, pelo menos, pedir indenização por propaganda enganosa…

Mas só não concordo contigo quando tu falas que os solteiros vêem a vida de forma errada… na verdade, os solteiros vêem a vida sem ter noção da fria em que vão se meter em breve… ou seja, estão ainda com aquele pensamento de que tudo é para sempre, etc e tals… mas, mesmo eles, já conseguem ter uma prévia, caso consigam identificar os sinais… para bom entendedor, qualquer ‘cisco’ pode ser ‘Francisco’…

Qual solteiro não pegou uma loira de olhos verdes sarada e depois acabou descobrindo que a loirice era de farmácia, os olhos verdes eram lentes de contato, peitos siliconados e marquinhas minúsculas de biquini feitas com spray bronzeador sem sol?

Pois é, por aí já podemos prever que o lance delas não é jogar limpo, é, simplesmente, fisgar a gente… ou então deixar as amigas verdes de inveja… sim, mulheres competem entre si… com benefícios para gente… algumas fazem horrores no sexo só porque a amiga contou que também fez… esse é o lado positivo…

Sobre dar umazinha na patroa e querer ir dormir, é normal… sacumé, comer ‘ração’ sempre não nos dá lá muita vontade de repetir… se ainda inventasse um molho diferente ou sei lá o que, ainda vá…

Meu único conselho é tentar manter a patroa interessada… para que assim ela tenha vontade de provocar coisas diferentes… de outra forma, a coisa cai na rotina e aí vira aquela gororoba mesmo… o que sempre nos faz prestar atenção no filé de carne de pescoço do vizinho… o que é perigoso, pro bolso (na hora do divórcio) ou pro nosso saco (caso a patroa seja vingativa)…

Vai com fé irmão, tu tá completamente dentro da normalidade… e não esquenta com os amigos mentirosos… toda roda de amigos tem seus ‘papagaios’ (que falam pra caralho, comem quase nada e fazem muita merda)…

Já dizia o meu velho e doido pai: “O maior tarado do mundo não é aquele que come uma mulher diferente por dia… é aquele que come todo o santo dia a mesma mulher…”

abração!!!


Marido de mulher feia odeia feriado, já dizia o profeta...

Read Full Post »

Agora temos um link direto para a sessão ‘Pergunte ao Ferris’… caso alguma alma necessitada por respostas, sem rumo na vida ou com anseios diversos queira entrar em contato (depois de tomar o gardenal), ficaremos satisfeitos em ajudar…

O link se encontra ali em cima no cabeçalho… ali… do lado do ‘início’… porra, não tá vendo ainda??? Em cima da figura com o pequeno texto ‘Blog do Ferris’… ah, agora viu, né?

Ah, não curamos hemorróidas, não dou bênção e não tenho a menor idéia de como vocês vão fazer para enriquecer… apesar de eu recomendar entrar pra política, igreja ou virarem pagodeiros ou ‘tchutchucas’…

Ah é, não é que tá ali em cima mesmo?! E agora, pergunto o que?

Read Full Post »

Pois bem, tá ficando legal isso… as perguntas continuam chegando… e tem bastante gente lendo mesmo… tou feliz!

A pergunta de hoje é de uma leitora, anônima pra variar, que tem um probleminha, digamos, interessante…

A pergunta:

Prezado Ferris
você que sabe tudo e entende dessas coisas, poderia me ajudar com meu problema?
Eu gosto muito de usar fantasias durante as relações com meu parceiro. O problema é que ele sempre cai na gargalhada quando eu apareço vestida de oncinha, por exemplo e eu fico sem graça, mas morro de tesão de me vestir assim e não gostaria de ter que abrir mão das minhas fantasias.
Como devo proceder?
Um beijo

A Resposta:

Querida leitora, sendo mais direto: o problema maior aqui não é seu, mas sim o do respectivo…

Mulheres dispostas a fantasias e a novidades  já não encontramos com muita facilidade… sendo assim,  o cara aí está ‘louqueando’…

Adoraria (ver) saber mais detalhes da lingerie, mas, suponho ser algo sexy… não creio que tu entraria em casa com uma calçoila estilo vovozona para tal… partirei então do princípio ser algo pequeno, delicado e que favoreça seus melhores atributos…

sendo assim, se a estampa é de oncinha, elefantinho, do Mickey Mouse ou da Madre Teresa de Calcutá, não interessa… digamos que o desvio de atenção do rapaz nos leva a algumas linhas de raciocínio:

1) Ele é débil mental: com a possibilidade de sexo, ele se limita a rir da estampa da lingerie? Na pior das hipóteses ele deveria arrancá-la de uma vez e fazer a lição de casa…

2) Ele não é chegado na coisa: sim, quando um homem ri de uma mulher que quer dar pra ele, pra dizer o mínimo, tem preferências que não cabe a mim aqui cogitar, até porque, como sou um colunista sem fins lucrativos (por enquanto), e não disponho de verbas para processos de grupos organizados de ‘mimimi social’ ou alguma irmandade defendendo o dia da consciência da ‘rosca queimada’ ou coisa que o valha…

3) Ele anda pulando a cerca: sim, para negar fogo desse jeito, o cara deve estar empanturrado… ainda assim não seria desculpa, pois, como eu digo, para abrir novas filiais, tem-se que ter a matriz bem estabelecida… se o cara não der assistência, abre concorrência… é a lei de mercado…

Bom, não quero desencorajá-la querida leitora, mas, certamente estás dando rapaduras a um banguela… ou pérola aos porcos (para parecer mais erudito)…

Tenho certeza que, caso o digníssimo continue com (a viadagem) o senso de humor fora de timing, a senhora não terá problemas em achar quem aprecie tal coisa… pois o bom dos tempos atuais é que os príncipes encantados viraram metrossexuais embaitolados que reparam nesses detalhezinhos, enquanto nós os ogros fazemos o serviço…

Engraçado mesmo é pensar quantos dias tu vai ficar sem sentar depois...



Read Full Post »

O pessoal tá participando mesmo… legal… já temos quase 60 leitores…

E, este texto foi enviado por um leitor, que eu não vou divulgar o nome pra perservar, é claro… e, agradecendo a ele, vou tentar ajudar como possível, tendo em vista que o meu intuito é ver todo mundo rir e ser feliz do jeito que der…

A mensagem:

Caro Ferris,

Sou casado, porém estou com um probleminha (nada que faça eu me separar, até porque mulher é tudo igual) …vou tentar explicar melhor…

Minha queridíssima esposa (sou casado a 3 anos e sem filhos ainda) antes de mim tinha um noivo há pelo menos 5 anos, só que o cara na hora de casar deu no pé;

Pois bem, passou menos de um ano conheci minha lindeza e nos casamos 6 meses após nos conhecermos (na igreja e tudo, putz lembro até hoje o stress de achar igreja e salão para mesma data, como todo boa noiva queria casar em maio)… a minha preocupação hoje é que:

1- Ela vive no cabelereiro e na manicure ( parece ótimo pois está sempre linda pra mim…mas espere);

2- Ela vive comprando roupas, gasta uma fortuna na C&A, Renner e Marisa, ela quase não repete roupa e na nossa casa não tem mais lugar pra mim de tanta roupa e sapato…
(continua parecendo ótimo, uma mulher com os cabelos e unhas em dia e ainda por cima se arrumando… não me julgue antes de acabar de ler)

3- Esse camarada (o Ex) mora perto do nosso Apto e vemos ele (principalmente ela o vê) quase todos os dias… (parece até uma insegurança estúpida…mas aguarde)

4- Esse camarada, eu fui descobrir a pouco tempo, e não foi pela minha lindeza, que ele além de não querer casar com ela a trocou por uma gostosa, que ela não suporta…(olhei a mulher e com todo respeito a minha preciosa… eu trocaria sem pestanejar,somente verificando os atributos, é claro…)

5- A mulher desse cara está grávida, e minha esposa está desesperada querendo ter filhos agora (ela não fala que é por causa disso, mas concluí)

6- Ela gosta de mostrar para todo mundo que é muito feliz comigo, que adora a família e que quer ficar comigo para a vida toda, porém em casa as coisas tem que ser tudo da maneira dela, ela na tpm é uma DIABA Vermelha, ela está sempre implicando com uma vizinha, uma colega de trabalho, ela que diz aonde vamos, quando vamos, faz compras e paga com o dinheiro dela (ótimo? nem tanto porque o resto das coisas de casa: aluguel, luz, telefone, compras no mercado.. quem paga sou eu, logo, quem paga os luxos dela sou eu)

7- Concluindo acho que ela se casou comigo porque queria mostrar para o cara que arranjava alguém muito melhor que ele, e que pode tudo… será?

Vou defender minha mulher um pouco também:

Ela é um excelente dona de casa, cuida muito bem de mim, cozinha que é uma maravilha, minha família gosta dela e a dela gosta de mim, ela é independente ganhamos a mesma coisa, temos um padão médio de vida…. Mas que eu estou com uma pulga atrás da orelha estou… como eu disse não vou me separar, mas é bem estranho.

Até quero ter filhos gosto de criança e já estou beirando os 40 anos, aí já viu…só não quero ter um só, até porque infelizmente tenho um amigo que teve um filho só que com 7 anos de idade o filho teve um problema e veio a falecer e eles não tinham mais idade para ter outros… aí já viu… prefiro ter 2 filhos de cara. A minha gatinha quer ter um só e não se fala mais nisso (sempre ela que manda) porque dará muito trabalho, enfim eu que me FODA!!!

Ferris o que faço? Só não me digas para me separar, não tenho mais idade e peso para isso (desde que me casei engordei 20 quilos…a nega véia cozinha bem, já escrevi isso…)

A resposta:

Meu atucanado amigo. Em primeiro lugar, obrigado pelo desabafo… em segundo, bem vindo ao clube…

olha só… acho que não inventaram marido 100% seguro… faz parte da vida ficar com a pulga atrás da orelha… mas, covenhamos, a sua senhora tá com toda a pinta de ‘ex em situação de descornada’.

Sim, não estou aqui para te julgar, antes pelo contrário, o lance é apoiar os amigos… mas, tudo indica que ela tenha sim casado correndo para acalmar o ego estraçalhado…

Regras femininas do ‘livro perdido esotérico da sapiência feminina’ (se é que isso existe), no primeiro parágrafo, diz que mulher tem problemas em ser trocada, TODAS ELAS, mas o problema vira algo insuportável se a nova aquisição do ex for algo muitíssimo melhor do que ela…

Estamos carecas (gordos, feios e chatos) de saber que um dos maiores prazeres da vida feminina é poder dizer que as ‘concorrentes’ são gordas, velhas, acabadas, cheias de estrias, celulites, pés de galinha, etc e tals… e, a nova mulher do ex dela não tem lá muitos itens que possam ser malhados…

Não vamos entrar no mérito da relação dela com o ex… o que, vamos e voltemos (como diria uma amiga), está com toda pinta de paixão reprimida… mas, em contrapartida, ela é independente e segue casada contigo… ela quer filho contigo… (ou… ah, deixa pra lá)

Quanto a não ter idade e nem peso para te separar, te digo que tudo tem remédio na vida… e pro resto tem mastercard, como diriam… sendo assim, academia, dieta e sexo com namorada nova, te tiram ligeirinho o peso extra… vai por mim… mas não to dizendo pra tu te separar…

Por um lado que não digo para tu atirar a toalha, te aconselho apenas uma coisinha: FICA ESPERTO meu amigo! Acho que tá na hora de começar a mostrar que tem homem em casa, no bom sentido, é claro…

Mostra a sua senhora que tu está ciente da situação e que ela te incomoda… é como eu digo: ‘corno, talvez… manso, jamais!’

Ninguém está livre de ser contemplado… mas não dá pra viver a vida à espera de um ‘Kinder Ovo Podre’ com surpresa desagradável… ou seja, começa a dar as cartas…

Algumas alternativas…

1) Mostra que tu manjou o ciume dela pelo ex… e manjou também toda a jogada “Vou engravidar pq ela engravidou também”. Casar sendo estepe é uma coisa, ser pai estepe é outra… (BATE COM O PAU NA MESA, MALANDRO!)

2) Dá o mesmo remédio a ela… fale de alguma ex… arrume uma vizinha gostosa que te dê trela ou coisa que o valha… mostra a ela que tu não é boi manso de abate… que tu tá vivo e que, se ela bobear, perde o posto… mulher boa é mulher presente… conformismo é foda…

3) Olha o mundo ao redor… te situa nele, vê quem são teus amigos de verdade… conselhos, se fossem bons, a gente vendia, não dava… mas, como sou colunista sem fins lucrativos, te digo para viver a tua vida… pesa prós e contras e, finalmente, NUNCA DEIXA DE EXPOR O TEU LADO DA COISA… minha vó já dizia “Quem muito se abaixa deixa o cu na reta…”
Para finalizar… TODAS AS PESSOAS DO MUNDO tem prós e contras… inclusive nós… ela deve ter lá reclamações em relação a ti… tenta saber quais são… mas, em hipótese alguma, aceita uma culpa que não é tua… cada um com seus problemas… casamento não é um negócio capitalista onde para um ganhar o outro tem que perder… (embora depois do divórcio seja sim, e geralmente são os homens que perdem mais)

Se der para os dois ganharem, melhor… mas uma coisa é certa… onde só um cede para o outro viver bem, te confesso, é uma merda enorme! A tendência é, ou teu saco estoura e tu arruma outra, ou tu amansa de vez e acaba sendo sorteado como premiê do clube dos guampas…

abração !

É claro que eu entendo que tu gosta de outra amorzinho...

Também entendo que tu tens que pensar no que é melhor para tua vida... e parar de aguentar minhas TPMs agudas...

E acho lindo tu tentar me compreender nessas horas... ah, eu te amo!

Read Full Post »

Chega a mim, a dúvida de uma leitora e que pede para permanecer anônima:

– Ferris, você que é conhecido mulherengo e já deve ter dado muita cantada na vida, poderia me ajudar a resolver um problema. Como faço para me livrar de cantadas indesejadas de amigos meus?

Resposta: Querida leitora anônima. Começar me elogiando é um bom começo. Ser mulherengo é algo que nós, homens (sem metro, meta, penta, hexa ou o caralhossexual) temos nos gens ao nascer ou não… é como um dom… alguns tem e outros tentam desenvolver ao longo da vida (pra não ficar sem comer ninguém).

Sinto que essa resposta será quase um tiro no pé, mas enfim…

Alguns caras dão cantadas simplesmente porque seus egos não conseguem suportar conviver com uma mulher que não quer realmente dar para eles… simples assim… concluindo então que amizade entre homem e mulher, com cantadas no meio, é praticamente zero…

Mantendo a linha, posso também dizer que homens mais confiantes não perdem tempo com cantadas, eles estão ocupados demais conquistando as mulheres sem que os outros percebam, se é que me entende…

Cantadas são uma espécie de ‘puta merda’ (apelação total) do macharedo… e podem variar desde as idiotas às mais requintadas, sendo que várias até podem funcionar, mas sempre mais em função da vontade da mulher dar pro cara do que da cantada ter funcionado em si…

Façamos uma análise (sem conotação anal):

Cantada de amigo filho da puta (após ouvir desabafo): Eu sei que esses caras são todos assim. Os homens andam cada vez mais insensíveis e não querem saber realmente o que uma mulher pensa…

Tradução: Eu quero te comer, mas já que tu reclamou que os homens são insensíveis, tenho que me fazer de sensível até que tu, finalmente, dê pra mim…

Cantada arroz em festa: Esse teu marido é um bosta, um insensível… eu nunca faria uma coisa dessas contigo…

Tradução: Não faria isso contigo, faria outras coisas… mas essa já to bem avisado pra não fazer…

cantada-379x570

Beijo e não me liga...

E, finalmente, algumas alternativas para tu te livrar de algumas cantadas…

proponho 3 situações… a saída irônica, a saída educada e a saída tolerância zero…

A cantada: Se tu fosse o meu DVD, eu não largava nunca o controle remoto…

Resposta1: DVD? Bem se vê que um bosta quenem tu ainda não tem cacife pra ter Blue Ray…

Resposta2: E o que adiantaria se as pilhas do controle são uma merda?

Resposta3: Faz assim então, pega o controle e enfia no olho do teu cu…

Read Full Post »

Pois e não é que tem gente lendo isso mesmo? Então… recebemos uma outra pergunta de um ilustre leitor… o Marcelo Augusto, que apesar do nome de galã, está com um probleminha de ordem… digamos… de timing…

A PERGUNTA:

– Caro Ferris, como limpar o salão sem que ela perceba?

A RESPOSTA:

Amigo Marcelão, a coisa é complicada. Bem, digamos que limpar o salão ao lado da patroa sem que ela perceba não é algo simples. Elas geralmente notam tudo quando saem com a gente, principalmente quando a gente repara em algum decote de outra mulher, por exemplo. Vai variar muito do local em que vocês se encontrem. Se for em público, convém bastante que além dela, o resto do pessoal também não. Nunca se sabe com quantas ‘prospects’ tu irás queimar o filme. Pois bem, encarando a coisa diretamente, recomendo que tente distrair a moça com alguma situação que lhê dê tempo suficiente para executar a tarefa…

Sugiro algumas coisas, no estilo pensa rápido, que distrairão ela por alguns instantes vitais:

– Olha amor, liquidação de calçados!

– Esse Rodrigo Santoro não é isso tudo pessoalmente…

– Aquela parece ser a minha ex…

– Olha o buraco!

– Aquela loira linda está me olhando…

Se essas não lhe derem o tempo suficiente, tente a clássica: “Seu cabelo está com algo estranho…”, ela correrá para o banheiro ou recorrerá àquele espelhinho da bolsa e lhe darão mais um tempo…

Mas não esqueça do segundo ponto importante… após extraído o hóspede maldito, tente livrar-se dele o mais rápido possível e de maneira tão discreta quanto às abordagens anteriores… não vale abraçá-la e deixar pendurado na parte de trás da roupa dela… no cabelo então, nem pensar… fazer rolinho e atirar pros lados é movimento manjado… recomendo fingir estar curtindo um som e estalar os dedos no ritmo… tenta a clássica “na madrugada a vitrola rolando um blues, tocando BB King sem parar…”. Essa é perfeita pra estalar os dedos…

Querida, olha que lindo aquele vestido ali...

Querida, olha que lindo aquele vestido ali...

Read Full Post »

Older Posts »

%d blogueiros gostam disto: