Feeds:
Posts
Comentários

Posts Tagged ‘a divina comédia’

Diabo é coisa do passado…

aquele ser vermelho com chifres e tridente com o qual você aprendeu na catequese, que se não fizesse tudo direitinho como manda, certamente ele viria te buscar algum dia, é coisa do passado… ah, como é boa a educação infantil, não é?

Dante Alighieri retratou seu inferno em sua obra-prima (A Divina Comédia, pra quem não sabia), e eu, como tenho devaneios de querer ser um escritor um dia, retratarei o meu:

Ao contrário do herói da obra, que adentra o inferno atrás da alma de sua amada, no meu caso, provavelmente pararia lá em função da minha predisposição à questionar qualquer bobagem, mesmo estando ela em algum livro dito sagrado… ou, mais provavelmente ainda, por gostar tanto de mulher… e, como não sou padre para poder transar a vontade e ainda assim ser absolvido, pararia por lá.

Na Chegada:

Uma recepcionista bom voz metálica, atrás de uma porta de vidro, me convida a pegar um telefone do outro lado para falar com ela. Após enfrentar todas as opções do menu, com todas elas automáticas, transferindo para outras centrais, dependendo da opção, com uma musiquinha (do Calypso) de fundo e a voz: “Não desligue, sua ligação não é importante para nós, mas, como você foi um merda e não foi para o céu, foda-se!”.

Ao chegar na atendente, que lixava as unhas enquanto eu digitava por horas as opções, ela começa pedindo um cadastro com direito a CPF, RG, 3 vias do certificado de reservista e toda e qualquer documentação inútil que eu tenha encarado durante a vida…

Passo pelo setor de triagem, igual ao dos aeroportos, com direito a exames aprofundados para ver se não trouxe mercadorias escondidas em algum lugar do corpo. Após, uma segunda triagem igual às das emergências de hospitais. Igual ao questionário para quem quer doar sangue, a atendente pergunta coisas:

– Quantas parceiras o senhor teve?

– E isso é relevante? Já estou no inferno mesmo…

– O senhor escovava os dentes 3 vezes ao dia?

– Sim sim… quer dizer, quase sempre…

– Ok… e o senhor estaria interessado em adquirir um seguro estupro aqui?

– Como assim?

– Vejo que o senhor é hetero, e, sendo assim, posso, por uma pequena bagatela, livrar o senhor das sessões diárias com o Motumbo…

– Pago o que for…

– Rááá, pegadinha! Não temos seguros aqui…

O questionário segue por mais horas e horas, até que, me mandam passar no guichê ao lado. E, como no serviço público, ficam dizendo que não é com eles e mandam passar em outra sessão, outro andar… 1 semana depois, consigo as 48 guias azuis, as 21 laranjas e as 14 rosas para entrar, e, no corredor de boas vindas, carros velhos, rebaixados, com caixas de som enormes, lado a lado em uma fila quilométrica tocam desde funk à sertanejo universitário com momentos GOSPEL (que é hit no inferno), Axé e um pagodinho no final, após passar por todos os sambas-enredo do carnaval carioca, paulista, gaúcho e amazonense…

Ao fim do corredor, sou recepcionado pela comitiva do PT me oferecendo imunidade para fazer o que bem entender, desde que eu doasse 30% pro partido, afinal, o diabo não cobrava nada barato para “não saber de nada” que eles faziam por lá…

Do outro lado, a oposição gritava que eu viraria escárnio popular e que São Joaquim Barbosa me castigaria eternamente se eu aceitasse a oferta dos DEMônios-mor! E, é claro, me pagavam o dobro que me ofereciam por um dossiê detalhado das falcatruas que eu participasse, com direito ao benefício da delação premiada…

Sem saber bem o que fazer, corro dali, me ajoelho e começo a rezar… sei lá, vai que o último arrependimento me garante uma reviravolta no caso…

Nesse momento, uma luz acima da minha cabeça, uma presença ao lado e muitas vozes se materializam… aí eu escuto:

– TÁ AMARRADO EM NOME DE JESUS, IGREJA!!!!! Vamos vender a toalha santa a esse irmão desesperado… tá aqui, irmão… com apenas 400 reais você passa a toalha em seu rosto e todas as suas amarguras cessarão! É milagre ou não é, igrejaaaaa????

Caio de cara no chão e noto que não há esperanças… um grupo de pessoas me junta e sai correndo daquele local, no exato momento em que o pastor chamava os comerciais para a transmissão ao vivo…

Já em um local mais quieto, com as almas benevolentes que me tiraram de lá… noto que são vários homens… todos eles me olhando atravessado… pergunto quem são… e eles respondem: Somos os pais das moças com que você saiu…

Suspiro fundo e lasco um sonoro:

Agora fodeu!

Estou começando a simpatizar com esse lugar...

Estou começando a simpatizar com esse lugar…

A televisão daqui só passa GLEE e novelas...

A televisão daqui só passa GLEE e novelas… além das reprises da Saga Crepúsculo sem parar…

Anúncios

Read Full Post »

%d blogueiros gostam disto: